domingo, 22 de agosto de 2010

Relatos Pós-Nascimento -

Ol@ Meninas,

Em primeiro lugar um milhão de obrigadas por todos os recadinhos carinhosos que vcs deixaram aqui.Que saudade mega de vcs, tudo joinha por aí? Tenho muita coisa pra contar pra vocês, inclusive farei um post bem detalhadinho assim que eu conseguir sobre o Parto.
Luquinha nasceu lindo (dá-lhe mamãe coruja), nasceu muito pequetito e surpreendeu a todos, contrariando todas as previsões, não posso dar 100% de certeza, mas acho que me sairia super bem num parto normal, ele nasceu com 45,6 cm pesando 2960 kg.
Nasceu super ligadinho, chorando muito e deixando a gente feliz a beça com seus pulmoezinhos a todo vapor. Que felicidade!
Ele nasceu as 10h31 do dia 16/08 e estava no quarto comigo as 15h30. Uma benção.
Tentamos faze-lo mamar, mas ele parecia estar sem fome, então não me preocupei muito, me disseram que era normal alguns recem nascidos não pegarem o peito logo de cara, antes da segunda tentativa, quando o trouxeram novamente para o quarto eu soube que ele tinha vomitado um pouquinho, mas nada fora da "normalidade", então fizemos a segunda tentativa a noite e nada, fiquei um pouco apreensiva mas continuei acreditando que estava tudo normal. 
As 3h30 o telefone tocou no quarto era o berçário avisando que ele havia vomitado novamente e que por isso íam encaminhá-lo a UTI Neo-Natal. A princípio não me caiu a ficha, eu "operada" com dores, no meio da madrugada...meu marido foi acompanhá-lo, e em cinco minutos eu estava realmente em mim e aí me desesperei. Tentei levantar sozinha, mas eu sentia tanta dor na "maledeta"cirurgia que fiquei empacada, chamei a enfermeira que me ajudou, coloquei um hobby e peguei o elevador pra UTI, meu Deus, que dor na alma....não há palavras, eu pensava que precisava estar com meu pequeno tão indefeso...
Cheguei na UTI, não sei como a cirurgia ardia, queimava, fritava sei lá...
Aí vi meu anjinho lá na incubadora, só de fraldinha. tao pitito sem saber o que tava acontecendo, então eu soube que havia sangue no vomito por isso a necessidade dele ir lá pra neo.
Colocaram uma sondinha gastrica nele e soro...meninas...que visão desoladora...choravamos...nunca esquecerei da dor que sentimos...pobrezinho do meu menininho.
Através dos exames constataram que ele tinha falta de vitamina K  - baixo fator de coagulação. Toda criança quando nasce recebe uma ampola dessa vitamina e no caso dele não foi suficiente, ele então foi medicado assim que sairam os resultados dos exames por volta das 10h00 do dia 17 e ainda ficou na Neo-Natal por 24 horas. Para honra e glória do Senhor, os remedios tiveram o efeito desejado e na quarta-feira  nesse horário nosso anjinho tava de volta no nosso quarto. Não desejo a pior pessoa da Terra uma dor dessas. Mas aqui estamos para agradecer a Deus por este milagre!
Lá na UTI pra ver se estava tudo em ordem com o estomago do pequeno fizeram um teste com NAN num copinho já que eu tinha só o colostro que numa ordenha de 20 minutos dava 2ml.
Com tudo isso que a gente passou ficou um saldo, o pequeno Lucca não mama no peito, e estou vivendo um grande desafio, físico e psicológico. Estou alimentando ele com NAN o que sempre rejeitei, essa é mais uma pra a lista das coisas que não saíram como eu gostaria. Meu leite ja desceu, mas o pitito não mama, é duas sugadinhas e dorme e não há quem o faça mamar. Ele não segura a "pega", e apesar do estímulo que a gente vem tentando o exito tem sido quase zero.
Minha médica me indicou uma enfermeira obstétrica pra me auxiliar, no entanto não estou vendo avanço, aliás o bebê tem se mostrado irritadiço quando tento colocá-lo no peito o que é péssimo.
Amanhã vamos ao "golpe de misericórdia, vou tentar a translactação ou relactação como é conhecida, ainda não tentei porque encontrar a sondinha é um desafio, mas com a graça do Senhor amanhã acho a bendita. Não quero desistir sem antes esgotar todas as possibilidades.
Não quero estressar o pequenino, tadinho, já passou por tanta coisa nesse comecinho de vida, não dá pra esquecer, a mãozinha dele ainda tá roxinha das picadas que levou. Quero sim que ele mame no peito porque eu não tenho dúvida do quanto é bom pra saude e desenvolvimento dele, mas se de tudo eu não conseguir, paciência, não vou fazer um ritual de desgaste e estresse toda vez que ele for mamar, não é humano!
Enquanto isso estou fazendo ordenha manual, que inclusive é bem desgastante..mas vamos em frente.
Volto com mais assuntos, por exemplo o efeito de todo esse estresse que passei e o pós operatório...tudo isso merece um post assim: Coisas que ninguém comenta sobre o Pós parto e o Puerperio... 

Apesar de tudo...rs....a gente ta muito bem, cansados, porém felizes, gratos a Deus e a todos que de alguma forma estiveram orando por nós. Deus tem nos sustentado com seu amor e graça.

Aqui informações sobre Relactacao

bjs , volto assim que conseguir..com fotos do pequeno.



4 comentários:

Luz disse...

puxa que situação, mas graças a Deus que Ele tem te dado toda essa força e junto com seu esposo vencer essas dificuldades!
Bem, mesmo que as coisas não estejam do jeito imaginado e sonhado quetudo encaminhe para que ele creça saudável, naõ é verdade?
A paz do Senhor esteja na sua casa!

Taty disse...

amiga creio que vai da tudo certo estarei orando por vcs, e logo logo ele ja vai estar mamando perfeitamente...beijinhosss

☆♥ Rô ♥☆ disse...

Oh amiga, que sufoco logo nesses primeiros dias... imagino o desgaste para vs.
Estamos orando sim,viu e sabemos a força que Deus tem para atuar. Ele com certeza vai te dar toda força e ao pequeno Lucca muita saúde,mas muita mesmo. Vai dar td certo,viu. Ele não desampara seus filhos.
Fica com Deus,amiga!!!

Emillye disse...

Puxa,amiga olha ser mamãe não é mesmo fácil não,mas Deus tem sido fiel em sua vida e de sua linda família,estaremos daqui orando por vcs,quando a luta é grande assim,é por que a vitória é ENORME,tú sabes,bjus.